Declaração do Secretariado da Iniciativa sobre a Situação dos Jovens Trabalhadores e os Estágios e Formação Profissional no Estado

protovoulia-kommounistikon-kommaton

O desemprego da juventude nos países capitalistas do continente Europeu continua a manter-se em níveis muito elevados. No último quarto de 2014 a taxa de desemprego da juventude nos países da UE a 28 chegaram a um extraordinário 21,4% e 23,2% na zona Euro. É de destacar particularmente na Grécia e em Espanha que o desemprego da juventude é superior a 50%. Em geral esta situação mantém-se semelhante na maioria das principais economias mesmo na vizinhança da União Europeia também – exemplos: a Turquia declara uma taxa de desemprego da juventude de 20,4%, a Rússia de 14,5% e a Ucrânia de 17,8% (2013).

É evidente que a muito louvada “eficiência” do mercado e do sistema capitalista ele próprio é incapaz de utilizar a sua força de trabalho. O sistema tem o lucro capitalista como critério e é por isso que ele age contra as necessidades populares. Ele oferece um estado de desemprego massivo não apenas à juventude mas também à população como um todo.

(…)

Os jovens trabalhadores são forçados ou ficar presos, às vezes a vida toda, com empréstimos inflacionados da habitação ou viver com os seus pais bem para lá dos 30 anos à medida que o peço da independência financeira e de começar uma família nova sobe.

A parte da juventude que está desempregada é agora tão grande que os governos por toda a Europa, mais e mais, inventam vários programas “educacionais” e de “estágios/formações” (Nota do tradutor: do inglês “training”) que são promovidos particularmente pela União Europeia (exemplo: programas de “voucher” e “garantia para a juventude”) que em essência não são nada mais que maneiras de reciclar os desempregados. Capitalistas de toda a Europa têm sido capazes de fazer grandes lucros com tais programas obtendo jovens trabalhadores a trabalhar quase de graça ou inteiramente de graça em nome da “oferta” de “ganhar experiência”.

Nós não temos ilusões, o desemprego é inseparável do sistema capitalista que causa todos estes fenómenos, o sistema que explora a classe operária de forma a aumentar a lucratividade dos monopólios e perpetuar a sua actividade. Este sistema está demonstrado que é podre e obsoleto e a única verdadeira solução para o povo é derrubá-lo.

Os partidos da Iniciativa Comunista Europeia vão empenhar-se com todas as suas forças a reforçar a luta dos trabalhadores e dos jovens desempregados com o poder de organização e dos sindicatos como recurso, por educação completa para todos, especialização e trabalho para todos com salários que correspondam às necessidades contemporâneas e por medidas imediatas de protecção dos desempregados.

7/12/2015

Fonte: Iniciativa de Partidos Comunistas e Operários da Europa

Advertisements

2 thoughts on “Declaração do Secretariado da Iniciativa sobre a Situação dos Jovens Trabalhadores e os Estágios e Formação Profissional no Estado

  1. J

    A tradução apresenta não poucos erros de concordância e imprecisões, mas percebe-se… Quem sabe um dia, quando houver uma organização portuguesa subscritora da Iniciativa, a coisa melhore.

    Reply

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s